Algarve é palco de nova batalha

PDF

   A batalha das marcas continua em Portugal no próximo fim-de-semana, recebendo o Autódromo Internacional do Algarve a quinta ronda do Campeonato do Mundo FIA GT1. O circuito ondulante é conhecido pelas subidas e descidas que testam os pilotos e enfatizam um comportamento são por parte dos carros.

Localizado em Portimão, o autódromo português foi inaugurado em 2008 e, desde então, tornou-se um circuito popular no mundo do automobilismo e numa passagem regular para o Campeonato do Mundo FIA GT1, oferecendo corridas fantásticas. A temporada deste ano tem vindo a demonstrar um enorme equilíbrio de forças, com quatro marcas a imporem-se em outros tantos eventos. Em Nogaro a Audi conquistou duas dobradinhas em ambas as corridas, ao passo que em Zolder, Bélgica, foi a Porsche Exim Bank Team China a agarrar as parangonas. Em Navarra, Espanha, a McLaren Hexis Racing, que tinha sido afligida por problemas de fiabilidade, conseguiu ultrapassar as dificuldades, demonstrando o verdadeiro potencial do MP4-12C. Na Eslováquia foi a vez da BMW Vita4One Racing garantir a vitória na Corrida de Campeonato, provando que o Z4 é uma arma a ter em conta durante a época deste ano. Para a ronda do Algarve haverá um Balance of Performance revisto, esperando-se que as corridas sejam animadas para o público que se deslocará ao circuito português. O centro das atenções dos adeptos lusos será sem dúvida Álvaro Parente, que estará ao volante de um dos McLaren MP4-12C da Hexis Racing. O piloto português conta com o apoio dos seus conterrâneos para enfrentar mais um desafio e lutar por um bom resultado. “É fantástico pode correr no meu país frente aos meus fãs. Terei a minha família e os meus amigos a apoiarem-me. A equipa está muito bem e seria fantástico realizar uma boa performance em Portugal. É uma pista desafiante para os pilotos, com subidas e descidas e com algumas curvas difíceis que normalmente criam grandes corridas. Este fim-de-semana não será excepção”, afirmou o piloto português. No entanto, Álvaro Parente terá uma oposição difícil que espera poder lutar pelos lugares cimeiros, como é o caso da Mercedes ALL-INKL.COM Münnich Motorsport que lidera o Campeonato de Equipa graças à sua consistência, muito embora ainda não tenha vencido qualquer corrida. O SLS poderá ter algumas dificuldades no circuito português, mas não seria de estranhar que, finalmente, permitisse aos seus pilotos alcançar o topo do pódio. Por seu lado, a BMW Vita4One lidera o Campeonato de Pilotos através de Michael Bartels e Yelmer Buurman, tendo já provado que o sabor da vitória tanto nas Corridas de Qualificação como nas Corridas de Campeonato e no Autódromo Internacional do Algarve o Z4 será uma vez mais uma arma a ter em conta. A Lamborghini Reiter Engineering ainda não conseguiu vencer uma corrida este ano, mas os Gallardo LP600 têm demonstrado rapidez em todas as circunstâncias, lutando pelas posições cimeiras em todos os circuitos. O Autódromo Internacional do Algarve poderá ser o palco da primeira vitória da temporada dos carros de Sant’Agata Bolognese. Já a Belgian Audi Team WRT, depois de ter dominado em Nogaro, tem passado por uma longa travessia do deserto. Os R8 LMS ultra poderão encontrar no Autódromo Internacional do Algarve as condições necessárias para se baterem pelos lugares do pódio, permitindo a Laurens Vanthoor e a Stephane Ortelli continuarem a sua batalha pelo título de pilotos. Os homens da Ferrari AF Corse têm que começar a vencer, caso queiram entrar nas contas da luta pelo título, e depois da vitória na Corrida de Qualificação da Eslováquia, Filip Salaquarda e Toni Vilander confiam no Ferrari F458 para poderem ser competitivos nas subidas e descidas do Autódromo Internacional do Algarve. Depois da vitória alcançada em Zolder, Mike Parisy e Matt Halliday têm andado arredados dos primeiros lugares, afundando-se na tabela classificativa. O duo da Porsche Exim Bank Team China terá que conseguir subir a sua performance rapidamente, esperando que o seu ressurgimento possa suceder já no Algarve. A Ford Sunred ainda não marcou qualquer ponto, mas tem vindo a subir de forma ao longo das últimas corridas, vendo-se envolvida na luta pelos lugares do pódio. Na ronda portuguesa espera-se que Milos Pavlovic e Matteo Cressoni possam concretizar o seu andamento em resultados e ultrapassar os problemas de fiabilidade que têm sentido. A apoiar o Campeonato do Mundo FIA GT1 estará o Campeonato da Europa FIA GT3, onde Portugal está também representada, através da Novadriver que tem ao seu serviço César Campaniço e Ni Amorim. O duo luso tem vindo a demonstrar um bom andamento desde o início da temporada, envolvendo-se na luta pelos lugares do pódio desde o evento de Nogaro. Em Navarra garantiu o seu primeiro pódio da época e no Autódromo Internacional do Algarve demonstrará, seguramente, uma vez mais o seu potencial. César Campaniço encontra-se optimista e motivado por correr em Portugal: “É fantástico correr em Portugal integrado num campeonato europeu, dado que teremos o apoio dos nossos adeptos e amigos. Em Navarra demonstrámos um bom ritmo e conseguimos o nosso primeiro pódio da época, portanto, esperamos ser competitivos no Algarve. Conhecemos o circuito, o que nos permitirá concentrarmo-nos em melhorar o carro. Acredito que possamos lutar por um bom resultado, mas a oposição é muito forte e será muito difícil, o que nos obriga a estarmos ao nosso melhor nível para alcançarmos os nossos objectivos”. Ni Amorim afinou pelo mesmo diapasão do seu colega de equipa. “Correr em Portugal dá-nos ainda mais motivação para darmos o nosso melhor, dado que teremos o apoio dos nossos amigos e adeptos. Nunca corri com o Audi R8 LMS ultra no Algarve, mas o César já realizou algumas corridas, o que nos permitirá ter uma boa afinação base para o fim-de-semana. Penso que podemos olhar para o degrau mais alto do pódio como objectivo para o evento do nosso país”, afirmou confiante o piloto do Porto.

O evento português do Campeonato do Mundo FIA GT1 inicia-se já na próxima sexta-feira, com a realização das sessões de treinos-livres, realizando-se a Corrida de Qualificação no sábado (13h15), ao passo que a Corrida de Campeonato será efectuada no domingo (14h15).

 

Como seguir o Campeonato do Mundo FIA GT1:

 Online:

Visite o novo website do Campeonato do Mundo FIA GT1 (www.gt1world.com) para seguir em directo a transmissão das corridas e dos tempos, para além de poder manter-se a par das últimas notícias, entrevistas, artigos de fundo e resultados.

Youtube: Live streaming e as nossas peças de fundo GT1-LIFE estarão disponíveis no canal de Youtube GT World: http://www.youtube.com/gt1world.

Siga-nos no Facebook e no Twitter.

Televisão:

Haverá cobertura televisiva de todas as rondas do Campeonato do Mundo FIA GT1. Para uma listagem dos canais de televisão visite: www.gt1world.com.

Fotografia

Imagens de alta-resolução para utilização editorial estão disponíveis em: http://media.gt1world.com/